‘Patrimônio’, de Philip Roth

“Patrimônio” foi lançado nos Estados Unidos em 1991. O livro é um relato do escritor norte-americano Philip Roth sobre os últimos meses de vida de seu pai, Herman Roth.

Herman Roth é diagnosticado aos 86 anos com um tumor cerebral que lhe causou paralisia em uma parte da face e está começando a comprometer algumas de suas funções motoras. É a partir do diagnóstico que Philip Roth começa a contar um pouco da história do pai, da personalidade dele e da relação familiar dos dois. É também narrado o cotidiano de Herman depois do diagnóstico do tumor.

‘Patrimônio’, apesar do teor do livro, não se trata de um relato dramático e sentimental. A perspectiva de Roth sobre a doença e iminente morte do pai é racional e objetiva.

A obra é uma declaração madura de amor, admiração e dedicação de um pai para um filho. Longe de qualquer pieguismo ou exagero, ‘Patrimônio’ prende a leitura nos seus seis capítulos de leitura rápida e prazerosa.

O livro, dizem por aí, é uma outra face do escritor Philip Roth, que é aclamado no mundo inteiro por suas obras de ficção e em 1997 foi agraciado com um prêmio Pulitzer pela publicação do livro ‘Pastoral Americana’.

Uma certeza tive depois de ler ‘Patrimônio’: quero tomar uma overdose da literatura de Philip Roth.

Leave a Comment

Il tuo indirizzo email non sarà pubblicato. I campi obbligatori sono contrassegnati *